O QUE É CIÊNCIA DOS DADOS (DATA SCIENCE) 01 – DADOS, INFORMAÇÃO, CONHECIMENTO E SABEDORIA

Garimpando os dados

INTRODUÇÂO À CIÊNCIA DOS DADOS (DATA SCIENCE)

Antes de iniciarmos o texto gostaria de deixar o leitor curioso :-). Qual é o processo usado para organizar os dados brutos e desestruturados, obtidos nas bases de dados, e transformá-lo em informações e/ou conhecimentos ?

Dados brutos brutos transformando-se em tabela de informações:

Fig. 01 – Dados Raw (dados brutos)do servidor.

Fig. 02 – Tabela da quantidade de pessoas  curadas da Covid 19.

A Ciência baseia-se em pesquisas, em uma determinada área do conhecimento, e esse estudo gera dados e informações que serão submetidos a processos os quais confirmarão ou não a hipótese do experimento realizado. Depois de obtidos, registrados e organizados esse conjunto de dados serão organizados, analisados para atender ou não as inquirições que foram formuladas durante o planejamento da pesquisa. Tudo isso  possibilitará a tomada de decisões e futura publicidade dos resultados.
Neste cenário surge a Ciência de dados – Data Science na literatura inglesa – favorecendo todo o processo citado, e como consequência, contribuindo para a descoberta científica.
Os dados brutos (Fig.01), tecnicamente chamado de raw, por si mesmo não traz significado, pois depende da circunstância que o represente. Como exemplo: o número 37,8 não tem significado algum pois o mesmo está isolado de um universo ou contexto que o represente. Por outro lado, esta mesma medida dentro do domínio da área da saúde – 37,8 graus centígrados aferido por um termômetro – transforma-se em uma informação (Fig. 02) útil  dependendo do indivíduo ou sistema inteligente.  Contudo se com esta informação obtida por  indivíduo observador ele associá-la a outras informações colhidas – note que 37,8º é uma medida indicativa de estado febril – e agregá-las no fenômeno que está sendo observado, isso é um conhecimento. E para resolver o problema deste paciente, nesta janela de oportunidade e com eficácia, somando-se os conhecimentos adquiridos a experiência profissional em sua formação acadêmica, como cursos, seminários e outros teríamos a sabedoria que vai além de troca e obtenção de informações.

Mas, como organiZar uma quantidade gigantesca de dados de milhares dipositivos?

No próximo texto daremos continuidade…

Referêncial teórico:
1. Dados, Informação e Conhecimento enquanto Elementos e Compreensão do Universo Conceitual da Ciência da Informação:Contribuições Teóricas.    https://www.marilia.unesp.br/Home/Pos-Graduacao/CienciadaInformacao/Dissertacoes/semidao_ram_me_mar.pdf

2. O conhecimento no Campo da Engenharia e Gestão do Conhecimento
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-99362010000100015

3.Formal theories of knowledge in AI and robotics. https://link.springer.com/article/10.1007/BF03037076
Edson Laranjeiras-http://lattes.cnpq.br/3156542233383776