ESPAÇO SAUDENETWORK

O Espaço Saudenetwork é um site destinado a promover comunicação e educação on-line na área da saúde e áreas afins. Nosso objetivo é congregar diferentes áreas  para divulgar  assuntos em saúde usando tecnologias de: cursos on-line, webnários, teleconferências... Se desejar publicar alguma ideia relacionada, será muito bem-vinda. Envie-nos um contato.


 Acesso ao MoodleAmbiente Virtual de Aprendizagem

VIDEOCONFERÊNCIA – Saudenetwork e Odonto 10x – Tema: Procedimentos Odontológicos durante a Covid-19

Creative Commons

Você tem a liberdade de: Compartilhar Copiar, distribuir e transmitir a obra, Remixar, Criar obras derivadas.Os autores solicita que sejam citados nestes casos.

Versão em pdf: Procedimentos Operacionais Padrões - POP - BIOSEGURANÇA - 2020 (pdf)

Versão em odt: Procedimentos Operacionais Padrões - POP - BIOSEGURANÇA - 2020 (odt)

Versão em docx: Procedimentos Operacionais Padrões - POP - BIOSEGURANÇA - 2020 (docx)

O QUE É CIÊNCIA DOS DADOS (DATA SCIENCE) 02 – A ERA DO CONHECIMENTO E DA SABEDORIA

Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

           Neste momento extraordinário em que transita humanidade o qual são exigidos  saberes nas diferentes as áreas do conhecimento, na busca de soluções baseadas em evidências clínicas ou mesmo  resultados confiáveis na eminência de um colapso pandêmico, advém a tecnologia da informação como suporte neste período de turbulência.

            É raro um instante tão especial que os ecossistemas mundiais estão enfrentando e que o protagonista – um grupo de vírus (coronavirus) com aproximadamente 80–120 nm (0.00008 mm) – tem proporcionado um desequilíbrio político-estratégico, econômico-financeiro e principalmente na área saúde na população análogo aos períodos das últimas duas guerras mundiais.

           Coincidentemente ou não, os cientistas de diferentes áreas do saber estão dedicados a pesquisa de vacinas e/ou medicamentos para ir de encontro a esta ameaça. Parece que o conhecimento e a sabedoria são as principais armas frente a este desafio; os estudiosos tem os dados, dispõem de informações, quase que instantâneas de diferentes bases de dados,  contudo, devido a centenas de variáveis que este proplema apresenta, tenta usar ao máximo a tecnologia na busca da aplicação desses saberes trazendo esperança para todos.   

           Como a tecnologia está auxiliando os cientistas neste momento? No artigo anterior foi apresentado fundamentos de dados, informações, conhecimento e sabedoria; neste texto apresenta-se fragmentos sobre a evolução dos dados. Na última metade do século anterior – com os computadores eletrônicos e a Internet – trouxe ganho na aquisição de dados, informações e conhecimentos. Estes dispositivos como servidores, desktop (computadores de mesa), notebooks (portáteis), smartphones (celulares inteligentes), tablets, smartwatch (relógios inteligentes), wearables (tecnologias vestíveis), microchips subcultâneos, Internet Of Things – IOT (internet das coisas),  produzem uma quantidade gigantesca de dados e informações jamais concebida. Recentemente, no dia 23 de março de 2020, foi gerado o maior pico de dados no Brasil com cerca de 11Tb/s pico, segundo o Comitê Gestor da Internet – CGI e que apenas neste ano houve um incremento de 60% do aumento do tráfego de dados segundo o mesmo orgão. Atualmente são gerados, a cada 10 minutos, mais dados do que a humanidade gerou da pré-história até 2003. Neste cenário de gigantesca quantidade de dados – fenômeno de  Big Data – surgiram  tecnologias como a  Data Science (Ciência dos Dados) que auxiliam os cientistas, atravéz de seus algoritmos em busca de soluções. Um caso emblemático aconteceu em um evento tecnológico recente, em 2 dias foram identificados e estudados 77 compostos moleculares de futuras drogas com o potencial para combater o corona vírus. É importante ressaltar que se fossem usados computadores atuais levariam vários anos para o mesmo resultado.

             Essa aquisição de conhecimento e sabedoria, tendo como base os dados obtidos nos experimentos, é uma aplicação direta da Ciência dos Dados ou Data Science. Essa tecnologia transdisciplinar é composta por diferentes saberes desde a tecnologia da informação, matemática e estatística, especialização científica passando por Inteligência artificial, software e pesquisa,tudo isso em busca de detecção de padrões, extração de conhecimento, obtenção de insights que auxiliarão os cientista na tomada de decisão.
            Portanto a Ciência dos Dados ou Data Science é uma evolução tecnológica de extrema importância para a humanidade para auxiliar a obtenção de conhecimentos e consequentemente a sabedoria em busca de resolutividade de adversidades que surgirão como ocorreu com esta pandemia da Covid-19.

1.CORRÊA, Fernanda Côrte Real. Mineração de dados como ferramenta para análise de base de dados de genoma do vírus influenza A. 2017. Tese de Doutorado. https://repositorio.ufcspa.edu.br/jspui/handle/123456789/566
Acesso 23 de abril de 2020.

2.Comitê Gestor da Internet-CGI.IX.br alcança marca de 10 Tb/s sw pico de tráfego Internet.https://ix.br/noticia/releases/ix-br-alcanca-marca-de-10-tb-s-de-pico-de-trafego-internet.Acesso 24 de abril de 2020.

3.IBM. IBM Supercomputer Summit Attacks Coronavirus.https://www.ibm.com/blogs/nordic-msp/ibm-supercomputer-summit-attacks-coronavirus.Acesso em 24 de abril de 2020.

4.MASTERS, Paul S. The molecular biology of coronaviruses. Advances in virus research, v. 66, p. 193-292, 2006. https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0065352706660053. Acesso 23 de abril de 2020.
Sobre o autor:http://lattes.cnpq.br/3156542233383776

TELEMEDICINA – ATENDIMENTO E PRESCRIÇÃO DE MEDICAMENTOS

O Ministério da Saúde brasileiro, em uma medida excepcional e temporária devido a pandemia de COVID-19, baixou a Portaria Nº 467 de 20 de março de2020, que possibilita além de outras medidas:

Art. 5º Os médicos poderão, no âmbito do atendimento por Telemedicina, emitir atestados ou receitas médicas em meio eletrônico.

Art. 6º A emissão de receitas e atestados médicos à distância será válida em meio eletrônico, mediante:

I – uso de assinatura eletrônica, por meio de certificados e chaves emitidos pela Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil…

          Mas o que é uma assinatura eletrônica ( certificado digital)? A assinatura eletrônica ou Certificado Digital é uma tecnologia que garante alguns princípios como: autenticidade, confidencialidade, integridade e não repúdio em um documento assinado:

  • Autenticidade: garantia da autoria do documento assinado;
  • Confidencialidade: garante a privacidade do documento só as pessoas ou organizações envolvidas podem ler o mesmo;
  • Integridade: garante que o documento assinado é íntegro não foi alterado;
  • Não repúdio: garante que quem recebeu o documento assinado por um emissor não poderá negar a sua autoria;
  • Âncora Temporal: certeza da relação de precedência com outros documentos.
Fig.01 – Smart Card da Certificado Digital da Certificadora Certisign do tipo A3

O Certificado digital é uma assinatura eletrônica onde se utiliza a tecnologia de criptografia para codificar esta assinatura.

No Brasil existe as certificadoras que são as responsáveis por prestar o serviço de certificados digitais para pessoa física ou jurídica.

Exemplo de assinatura digital nesta mesma portaria  http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=23/03/2020&jornal=601&pagina=1

Há vário tipos de Certificados digitais:

  1. Tipo A – Certificado de Assinatura Digital assinatura digital (A1, A3, A4)
  2. Tipo S – Certificado de Sigilo e Confidencialidade (S1, S3, S4)
  3. Tipo T – Certificado de Tempo (T3)
  4. e-CPF – CPF Eletrônico
  5. e-CNPJ – CNPJ Eletrônico
  6. NF-e – Nota Fiscal Eletrônica

Os formatos A1 e A3 são os mais adequados para a assinatura do profissional da saúde. O A1 – este certificado é armazenado no computador, no celular ou tablet; o A3 é armazenado em um Cartão ou em um Token.

Fig.02 – Cartão A3 no leitor na porta USB do notebook.

 

 

Este é um cartão do tipo A3  em um leitor de cartão plugado na porta USB que pode ser 2.0 ou 3.0. Basta apenas instalar o certificado e usá-lo para assinar seus documentos.

 

 

Mas porque eu deveria usar um certificado digital? O principal motivo de uso deste tipo de certificado é a praticidade com que assinamos documentos não físico como exemplo: acesso e assinatura da sua conta na receita federal, assinatura de outros documentos como a justiça e agora para com essa medida pode-se assinar receita médica e atestados médico e outros.

Portanto chegou o momento da certificação digital ou assinatura digital mostrar sua importância e que os profissionais da saúde possam fazer uso independente de situações especiais como é este momento.

Referência:

Brasil, Ministério da Saúde. Portaria no 467 que regula a telemedicina em todo o território brasileiro. http://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=23/03/2020&jornal=601&pagina=1

RESENDE, Dilma A. Certificação Digital. Revista Jurídica UNIGRAN, v. 11, n. 22, p.111, 2009.https://www.unigran.br/dourados/revista_juridica/ed_anteriores/22/artigos/artigo09.pdf

CPki - Public Key Infrastructure https://www.gta.ufrj.br/grad/07_2/delio/Conceito.html

Edson Laranjeiras-http://lattes.cnpq.br/3156542233383776

O QUE É CIÊNCIA DOS DADOS (DATA SCIENCE) 01 – DADOS, INFORMAÇÃO, CONHECIMENTO E SABEDORIA

Garimpando os dados

INTRODUÇÂO À CIÊNCIA DOS DADOS (DATA SCIENCE)

Antes de iniciarmos o texto gostaria de deixar o leitor curioso :-). Qual é o processo usado para organizar os dados brutos e desestruturados, obtidos nas bases de dados, e transformá-lo em informações e/ou conhecimentos ?

Dados brutos brutos transformando-se em tabela de informações:

Fig. 01 – Dados Raw (dados brutos)do servidor.

Fig. 02 – Tabela da quantidade de pessoas  curadas da Covid 19.

A Ciência baseia-se em pesquisas, em uma determinada área do conhecimento, e esse estudo gera dados e informações que serão submetidos a processos os quais confirmarão ou não a hipótese do experimento realizado. Depois de obtidos, registrados e organizados esse conjunto de dados serão organizados, analisados para atender ou não as inquirições que foram formuladas durante o planejamento da pesquisa. Tudo isso  possibilitará a tomada de decisões e futura publicidade dos resultados.
Neste cenário surge a Ciência de dados – Data Science na literatura inglesa – favorecendo todo o processo citado, e como consequência, contribuindo para a descoberta científica.
Os dados brutos (Fig.01), tecnicamente chamado de raw, por si mesmo não traz significado, pois depende da circunstância que o represente. Como exemplo: o número 37,8 não tem significado algum pois o mesmo está isolado de um universo ou contexto que o represente. Por outro lado, esta mesma medida dentro do domínio da área da saúde – 37,8 graus centígrados aferido por um termômetro – transforma-se em uma informação (Fig. 02) útil  dependendo do indivíduo ou sistema inteligente.  Contudo se com esta informação obtida por  indivíduo observador ele associá-la a outras informações colhidas – note que 37,8º é uma medida indicativa de estado febril – e agregá-las no fenômeno que está sendo observado, isso é um conhecimento. E para resolver o problema deste paciente, nesta janela de oportunidade e com eficácia, somando-se os conhecimentos adquiridos a experiência profissional em sua formação acadêmica, como cursos, seminários e outros teríamos a sabedoria que vai além de troca e obtenção de informações.

Mas, como organiZar uma quantidade gigantesca de dados de milhares dipositivos?

No próximo texto daremos continuidade…

Referêncial teórico:
1. Dados, Informação e Conhecimento enquanto Elementos e Compreensão do Universo Conceitual da Ciência da Informação:Contribuições Teóricas.    https://www.marilia.unesp.br/Home/Pos-Graduacao/CienciadaInformacao/Dissertacoes/semidao_ram_me_mar.pdf

2. O conhecimento no Campo da Engenharia e Gestão do Conhecimento
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-99362010000100015

3.Formal theories of knowledge in AI and robotics. https://link.springer.com/article/10.1007/BF03037076
Edson Laranjeiras-http://lattes.cnpq.br/3156542233383776

MINCIT FARÁ TESTE CLÍNICO RANDOMIZADO, USANDO A INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL CONTRA O COVID 19

O Ministério da Ciência , Tecnologia e Inovação  anunciou hoje que iniciará um teste clínico randomizado de um medicamento cuja  a análise  do teste é realizado com o uso da Inteligência Artificial – IA em 500 pacientes.

Confira o vídeo a seguir:

ESTUDO FRANCÊS APONTA TAXA DE 91,7% DE CURA DA COVID-19 USANDO CLOROQUINA + AZITROMICINA

Imagem de Remaztered Studio por Pixabay

Estudo de Coort – publicado em 09 de abril , quinta-feira –  realizado pela Mediterranean Infection Foundation – França, dirigido pelo PHP Dr. Didier Rault , demostrou que dos 1061 pacientes comprovados para o Covid-19 e fazendo uso da hidroxicloroquina + Azitromicina, obtiveram uma cura de 98% e que não foram encontrado nenhum caso de toxidade cardíaca.

Confira o resumo do trabalho aqui:

Fonte: https://www.mediterranee-infection.com/pre-prints-ihu

https://www.mediterraneeinfection.com/wpcontent/uploads/2020/04/Abstract_Raoult_EarlyTrtCovid19_09042020_vD1v.pdf

TELESUS – ESTRATÉGIA DE ATENDIMENTO PRÉ-CLÍNICO DO MINISTÉRIO DA SAÚDE

O TeleSUS é uma estratégia de diferentes serviços de atendimento pré-clínico de saúde são: o Serviço de ChatBot, o Serviço de Unidade de reconhecimento Audível (URA), o Serviço de Atendimento pré-clínico (SAPC) e o monitoramento remoto.

MAPA DA ESPERANÇA – CONFIRA A QUANTIDADES DE PESSOAS RECUPERADAS DO COVID-19 NO MUNDO

PENSEMOS POSITIVAMENTE!

O Saudenetwork criou e  publica diariamente o mapa e sua respectiva tabela da quantidade de  pessoas curadas da COVID – 19 no mundo.

Coloque o mouse nos círculos para ver informações!
Copie esse mapa: https://www.datawrapper.de/_/bm8UY
Copie essa tabela:https://datawrapper.dwcdn.net/FPlNc/60